Quem Somos

aefmup_transparente-1

A Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto foi gerada num atribulado período de implementação, crescimento e maturação no pós-25 de abril, tendo sido legalmente fundada enquanto AEFMUP a 12 de Janeiro de 1982. Previamente existia com a designação de Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina do Porto (AEFMP), tendo esta sido extinta para dar origem à associação que todos conhecemos atualmente.
Desde a sua conceção, definiu como seus objetivos a representação de todos os estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, bem como a promoção da sua formação nas vertentes curricular, científica, pedagógica, cultural, social, física e pessoal, contribuindo para o melhoramento do ensino na Universidade e da ligação desta à comunidade.
Desde então, tem pautado a sua atuação por um comportamento participativo e crítico, e por uma colaboração ativa e empenhada nos diversos órgãos onde se encontra representada, tendo como prioridade a educação médica. A direção da AEFMUP sempre se norteou por um forte espírito de entreajuda, e por irreverência consciente e responsável. Ao longo destes 26 anos, a AEFMUP tem crescido, com a dedicação e trabalho de várias gerações de dirigentes, com a colaboração e interesse dos seus alunos, e com o imprescindível apoio da Faculdade que nos acolhe.
Graças à colaboração de todos, tem sido possível cumprir, ano após ano, os objetivos a que se propôs aquando da sua criação. Assim, a AEFMUP trabalha, fundamentalmente, a quatro níveis:

  1. A área representativa, relacionada com a representação dos estudantes. Nesta área existem laços estabelecidos, entre outros, com a Associação Nacional de Estudantes de Medicina (ANEM), Federação Académica do Porto (FAP), Reitoria da Universidade do Porto, Órgãos de Gestão da Faculdade de Medicina do Porto e o seu Gabinete de Educação Médica, Ordem dos Médicos (através da Secção Regional Norte), Hospital de S. João, Ministério da Saúde e da Ciência Tecnologia e Ensino Superior.
  2. A área pedagógica, relacionada com a busca de uma melhoria das condições de ensino/aprendizagem
  3. A área socio-cultural e desportiva, na qual se promove a formação desportiva, cultural, social e pessoal dos estudantes, bem como o convívio saudável entre estes.
  4. A área da solidariedade e intervenção cívica.
  5. A componente científica, relacionada com a divulgação de avanços científicos realizados em Portugal, abrindo simultaneamente espaço para a divulgação da investigação e seu incentivo.

Todos os estudantes inscritos na Faculdade de Medicina são, por inerência, membros da AEFMUP (art. 5º, Decreto-lei nº 161 de 13-7-1999, da III série). A AEFMUP é fundamentalmente constituída por quatro corpos: A Reunião Geral de Alunos – ou RGA – (assembleia geral que consiste no seu órgão deliberativo máximo), o Conselho Fiscal, o Conselho das Comissões de Curso – ou CCC – (onde representantes das Comissões de cada curso – responsáveis pela elaboração de horários, turmas, calendários de exames, material de Queima, festas de Medicina, etc. – se reúnem para decidir interesses comuns, para resolver/denunciar os problemas de cada ano, etc.), e a Direção da Associação de Estudantes – DAEFMUP – (órgão administrativo e executivo).
Existem ainda secções autónomas, nomeadamente os grupos académicos e estudantis (Tuna de Medicina do Porto, Tuna Feminina de Medicina do Porto, Grupo de Fados de Medicina do Porto, Comissão de Praxe, Grupo Amador de Teatro Universitário, YES Meeting, Coro da FMUP, Comissão Organizadora de Noitadas Académicas, Quórum – Fórum Político e CineFMUP).